Escritório Novo

12:54


Quem acompanha a página do facebook sabe que andámos em obras cá por casa e agora andamos em arrumações/mudanças e essas coisas que têm tanto de belas como de chatas. Depois de muito pensar como é que poderíamos aproveitar melhor muito do espaço que temos na nossa garagem, sem que a mesma continuasse a ser um depósito de tralha e coisas velhas e sujas, decidimos que iríamos passar a ter dois escritórios, um para cada um. 

Se por um lado a ideia é chata, porque sempre estávamos mais tempo juntos sempre que precisássemos estar a trabalhar, por outro é óptima porque eu vou deixar de ter surtos psicóticos sempre que entrar no meu escritório, uma vez que vou deixar de ver cabos e fios e peças de computadores espalhadas por todo o lado. Já o homem também terá a vida facilitada [ou não!] porque quando não souber de alguma coisa, sabe pelo menos que não fui eu que mexi!

O primeiro passo foi fazer uma divisão fechada na garagem, em pladur, para que o escritório se mantenha limpo e sem cortinados oferecidos pelas aranhas que volta e meia se juntam à nossa família. Foi um processo rápido que em menos de uma semana ficou pronto e está impecável. Mas teve a desvantagem de nos impregnar a casa toda de pó. No fim-de-semana fizemos a limpeza do espaço e começámos a mudar para lá as secretárias e os móveis. A verdade é que o homem se apoderou de coisas que estavam no escritório comum, de móveis da sala e de outros que existiam na garagem! Mas, sim, ficou com um escritório cheio de pinta e com imensa arrumação! A parte pior é mesmo agora levar as coisas mais pequenas e organizar tudo! Acho que é tarefa para nos durar até ao próximo ano! 

Pelo caminho, decidimos criar também uma área para ter os nossos sapatos e os casacos mega arrumados e organizados e para essa zona também irá o roupeiro que estava até aqui no escritório comum e uma das estantes grandes. Assim, o que será agora apenas o meu escritório, começou a ficar mais vazio, e precisa de toda uma nova idealização. Neste momento é apenas e só a divisão mais desarrumada da casa, sem ponta por onde se possa pegar. Mas eu tenho esperança. Muita esperança que venha a ser um sítio bonito e acolhedor. Ainda estou aqui na dúvida, se arranjo ou não um cantinho para a princesa poder estar a brincar quando estamos as duas em casa e eu preciso de trabalhar. Estou a amadurecer a ideia e pelo meio vou espreitando várias soluções por esta internet fora. Tivesse eu um cartão ilimitado e ficava aqui um espaço tão, mas tão jeitoso. 

[Clicar nas imagens para ver os produtos]

Não gosto muito de furar paredes, principalmente porque volta e meia nos dá estas vontades e mudamos a casa toda, mas gostei bastante deste quadro e de outras tantas peças que partilho convosoco em baixo. Para variar não gosto é do preço! Um dia deixarei de ser forreta! Um dia!


You Might Also Like

0 comentários