Quando tens um filho doente...

14:37

Dizem que as mães têm super-poderes. Dizem que só as mães conseguem fazer e pensar em mil e uma tarefas ao mesmo tempo. E isso só mesmo alguém com super-poderes. Mas quando temos um filho doente parece que os super-poderes fogem por artes mágicas. Quando tens um filho doente perdes os super-poderes todos. A casa fica um caos, a roupa acumulasse, a vontade de cozinhar desaparece e nem os nossos beijos e o nosso colo têm poderes curativos. Quando tens um filho doente, também ficas um bocadinho doente. E só não ficas mais porque não podes, não te permites ficar. Quando tens um filho doente o coração perde metade do volume e o cérebro trabalha com metade da eficácia. Quando tens um filho doente querias mesmo ter super-poderes, porque tudo o que uma mãe quer é ficar doente em vez do filho. Quando tens um filho doente precisas de respostas. Não te interessa se a febre tem um dia ou tem três. Quando tens um filho doente precisas de saber o que ele tem e como o podes ajudar. Quando tens um filho doente não precisas que te digam que ele está bem. Tu sabes que ele não está porque só tu conheces aquele olhar. Quando tens um filho doente não precisas que te digam que é mesmo assim, que é normal, que faz parte, que está a ganhar imunidade. Que se lixe a normalidade. Que se lixe a imunidade. O teu filho está doente e o teu coração está partido. Quando tens o teu filho doente não precisas que o pediatra te diga que tens de te habituar a isso. Precisas de respostas. Precisas de compreensão. Precisas de respeito, porque o teu filho está doente, e o teu coração está partido. Quando tens um filho doente, o mundo pára e não te interessa, porque os super-poderes fugiram e o teu coração está partido!

You Might Also Like

2 comentários

  1. Como te compreendo, ficamos mesmo indefesas a essas 'maldades da vida'

    ResponderEliminar
  2. Como te compreendo, ficamos mesmo indefesas a essas 'maldades da vida'

    ResponderEliminar