Bolachas de maçã e tâmaras

08:25


Já fiz bolachas para a BaBy B. umas duas ou três vezes e apesar de nunca ter ido absolutamente nada para o lixo nunca fiquei satisfeita nem com o aspecto nem propriamente com o sabor das bolachas. No entanto, talvez pela novidade, mas a verdade é que sempre comeu tudo! 

No fim-de-semana fui ao mercado e ao ver tâmaras lembrei-me que a Leonor do Blog Na Cadeira da Papa costuma usar bastante. Como nunca tinha experimentado e não é ingrediente que use cá por casa decidi comprar e claro, comecei logo a imaginar que a primeira utilização para as pequeninas seriam bolachas para a minha cria!

Ontem olhei para uma taça que tinha cheia de maçãs que pensei "não é tarde nem é cedo!". As maçãs não eram propriamente as melhores do mundo e iam acabar por se estragar, por isso decidi descasca-las e colocar na Bimby a cozer com um pouco de água e umas gotas de limão. 

Quando tinha o puré de maçã feito, retirei cerca de 100gr e guardei o resto, que depois foi transformado num bolo para mim e para o pai [que também merecemos novidades!] Deixo-vos então a receita das bolachas que já foram provadas e devoradas!



Ingredientes
100gr de puré de maçã
2 clh de sopa de flocos de aveia
3 clh de sopa de farinha de arroz
2 clh de chá de côco ralado
5 tâmaras

Preparação

Juntar a aveia ao puré de maçã e mexer. Depois juntar a farinha de arroz e mexer novamente. Para mexer bem nesta fase é necessário colocar as mãos na massa. Desfazer as tâmaras com os dedos e juntar à massa, voltando a envolver bem com as mãos. Por fim adicionar o côco e voltar a envolver. Nesta altura conseguimos fazer uma bola com toda a massa. Retirei pequenos pedaços, moldei em forma de bola com as mãos e depois achatei já no tabuleiro forrado com papel vegetal. [Eu sei que podia ter tirado uma foto, mas confesso que não me lembrei desse pormenor na altura!]. Levei ao forno a 180º durante cerca de 25m.

NOTA
Se cozerem a maçã de propósito para fazer a receita, juntem as tâmaras a esta cozedura, porque as bolachas assim ficarão doces de forma mais uniforme. Estas ficaram boas, mas o doce concentra-se mais na zona onde "apanhamos" tâmaras. 

Por cá a receita foi provada e aprovada! Para eu comer as bolachas sem reclamações se calhar tinha de lhe juntar um bocadinho de açúcar mascavado. Mas como felizmente a minha donzela ainda não tem o paladar "estragado" a favor do doce, comeu e lambeu os dedos! Espero que os vossos pequeninos gostem! Se experimentarem, depois contem-me tudo!


You Might Also Like

1 comentários